15 de maio de 2020

Procedimentos Operacionais realizados por servidores resultam em interceptações de drogas na UPR de Catalão

Ações rápidas durante procedimentos operacionais realizados por servidores da Unidade Prisional Regional (UPR) de Catalão, pertencente à 4ª Coordenação Regional Prisional da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP), resultaram em três intercepções de drogas no presídio, nesta quinta-feira, 14/05.
 
Por volta das 16h, com o auxílio da segurança monitorada por câmeras de vídeos do presídio, foi interceptado o arremesso de um balão contendo porções de substância análoga à maconha. Os materiais foram arremessados sentido ao pátio do banho de sol de uma das alas. Ao ser realizado a contenção dos ilícitos um detento foi flagrado tentando ter acesso aos entorpecentes.
 
Lançamento de 50 gramas de substância aparentemente maconha
 
Um lançamento parecido ocorreu minutos após a primeira, sendo que neste fato o balão foi arremessado por cima do muro do presídio sentido a outra ala da unidade. Momento em que os servidores plantonistas apreenderam 50 gramas de substância aparentemente maconha .
 
Apreensão de drogas em cigarros
 
Durante a realização de revistas nos itens deixados na Cobal – Dia em que familiares e conhecidos da população carcerária entregam mantimentos e produtos de higiene para serem repassados aos detentos da unidade- foram encontradas porções de drogas escondidas em cigarros.
Os materiais seriam destinados a uma detenta que cumpre pena no presídio por tráfico de entorpecentes.
 
Procedimentos administrativos internos foram abertos para apuração dos fotos e aplicações das sanções disciplinares aos custodiados envolvidos nas ocorrências conforme determina a Lei De Execução Penal (LEP). Todos os materiais apreendidos nas referidas ocorrências foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil do município para os fins legais que os casos requerem. As investigações também deverão apontar suspeitos das ações criminosas flagradas.
 
As interceptações ressaltam a aplicação do conjunto de diretrizes estabelecidas pelo Governo do Estado, em consonância com a Secretaria de Segurança Pública e a DGAP, com maior rigor nos procedimentos operacionais de segurança penitenciária nas unidades prisionais goianas
 
Fotos:DGAP