30 de setembro de 2020

Por propostas indevidas, Elder Galdino é condenado a pagar multa para a justiça


O candidato a prefeito de Catalão Elder Galdino (MDB), foi multado pela justiça eleitoral na última terça-feira, 29, por propaganda eleitoral antecipada em suas redes sociais.

O tribunal eleitoral de Goiás aplicou uma multa de 5 mil reais ao candidato depois dos seus projetos serem expostos fora do período de propaganda eleita.
De acordo com a sentença o Juiz deixa claro o descumprimento da lei eleitoral estabelecida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) “Posto isso e com fulcro no artigo 36, §3º, da Lei 9.504/97 c/c Resolução TSE nº 23.610/2019 c/c Resolução TSE n.º 23.608/2019, JULGO PROCEDENTE a representação para condenar ELDER GALDINO PEREIRA ao pagamento de multa, que fixo no mínimo legal, em R$ 5.000 (cinco mil reais)”.
Relembre a polêmica
Elder publicou em suas redes sociais várias propostas como uma variação do auxílio emergencial fornecido pelo governo federal, para ajudar famílias carentes em meio a pandemia do novo coronavírus.
O auxílio de Catalão séria de R$300,00 reais para famílias carentes e autônomos. Outra proposta era da tarifa zero do transporte público. Ás propostas consideradas “cabulosas” por alguns moradores causou