3 de janeiro de 2019

População revoltada com “cheiro de baratas” no ar.

Na manhã desta quinta feira três de janeiro, recebemos reclamações de vários moradores dos Bairros: São Francisco, Primavera, Vila União, Santo Antônio, Cruzeiro, Pontal Norte, Castelo Branco, Setor Universitário, Bairro dos Lucas, Bairro das Américas, Ipanema, entre outros, acerca do mau cheiro que está pairando praticamente por toda cidade.

Segundo os moradores, no final da tarde e de madrugada um cheiro forte toma conta da cidade e com ele uma nuvem branca. O problema pode estar vinculado às atividades das mineradoras na região. Há muito tempo a população reclama de um odor sentido, o qual muitos denominam de “cheiro de baratas”. Na verdade trata-se de Fluoreto, emitido no processo de acidulação das rochas fosfáticas.

Em meados de 2017 esse assunto foi pauta de uma audiência realizada pelo Vereador Professor Marcelo Mendonça (REDE) no Auditório Júlio Pinto de Melo, na Câmara Municipal do município, que presidia a comissão de vereadores, onde destacava que a “qualidade do ar Catalão está piorando a cada dia, trazendo indignação aos moradores, que estão sofrendo com problemas de saúde e desconfortos. O problema pode estar vinculado às atividades das mineradoras Vale (atual Mosaic Fertilizantes) e CMOC na região”. Eles exigiram uma postura do Ministério Público para a resolução imediata de tais problemas.

De lá para cá se esperava que providências fossem tomadas por tais empresas mineradoras, a fim de sanar esse problema que tanto afeta a população da cidade de Catalão. Mas ao que tudo indica teremos que reivindicar por nossos direitos e cobrar das autoridades competentes para possamos ter uma melhor qualidade no ar que respiramos.
O Blog Diante do Fato se solidariza com os moradores dos diversos Bairros de nossa cidade e anseia por uma resposta plausível aos apelos feitos e continuaremos mostrando a realidade nos permeia.