22 de dezembro de 2018

Funcionário fica com 90% do corpo queimado após incêndio em uma mineradora em Catalão.

Mais um grave acidente foi registrado em uma mineradora o fato ocorreu na mineração (Chapadão) na área da metalurgia, local onde o minério e o nióbio são fundidos. Segundo informações para que essa fusão aconteça se faz necessária uma temperatura muito alta, chegando a dois mil graus, tornando-se um local muito perigoso.

OS Militares do Corpo de Bombeiros foram acionados por volta das 19h e 30 min deste sábado, 22 de dezembro, para atender a essa ocorrência. A reportagem do Blog Diante do Fato recebeu uma foto do local que incendiou e dá para perceber que as chamas tomou conta do lugar.

Um trabalhador de 35 anos de idade, o qual nome não foi divulgado, teve queimaduras em 90% do corpo, queimaduras essa de 1° e 2° graus, sendo socorrido pela equipe de primeiro socorro da empresa e em seguida, colocado na ambulância.

Na Rodovia GO 330 próximos à cidade de Ouvidor encontraram-se com o Corpo de Bombeiros que já estavam indo para lá. Os quais deram o suporte necessário, transferindo e encaminhado o trabalhador para a Santa Casa de Catalão.

Nota 

A CMOC Brasil comunica a ocorrência, na noite de hoje (22), de um incêndio em parte da Metalurgia da operação de Nióbio (GO).

As chamas ficaram restritas à uma pequena área e foram controladas rapidamente.

Infelizmente, em decorrência do acidente, um dos empregados foi atingido e está em atendimento médico na Santa Casa de Catalão (GO).

O processo de investigação das causas do ocorrido já foi iniciado. No momento, o principal foco da companhia é a assistência ao empregado hospitalizado e à sua família.