22 de junho de 2020

EM DAVINÓPOLIS, SECRETÁRIO DE SAÚDE É DETIDO APÓS DENÚNCIA DE SOM AUTO

O Secretário de Saúde de Davinópolis, Winas Martins Borges, foi detido após a denúncia de estar com som alto dentro de casa durante uma reunião familiar no domingo (21). Segundo o boletim de ocorrências, ele desacatou os policiais. A irmã dele também foi levada para a delegacia por ser suspeita de ofender os militares.

A reportagem tentou contato por telefone e mensagem desde as 16h com o secretário de Saúde, mas não obteve retorno. A reportagem também tentou contato com a Prefeitura de Davinópolis por telefone e e-mail, mas também não teve resposta. A irmã do secretário de Saúde não foi localizada para comentar o caso.

Os policiais foram ao local após reclamações de vizinhos e constataram que o som automotivo estava muito alto. De acordo com o relato da Polícia Militar, quando Winas foi à porta, se apresentou como secretário municipal e disse que não estava ferindo nenhum decreto de combate à pandemia de coronavírus, pois era apenas uma reunião familiar e que estava dentro do horário para que o som continuasse ligado.

No registro da ocorrência, os militares disseram ainda que foram ofendidos pelo secretário e que, após desligar o som, se recusou a apresentar os documentos pessoais para que fosse feito o Termo Circunstanciado de Ocorrências (TCO). Diante disso, foi dada voz de prisão a Winas.

O secretário, então, resistiu à abordagem e precisou ser algemado, conforme o relato policial. Quando os policiais tentaram tirar uma foto da placa de endereço da casa, a irmã do secretário pegou o celular e o arremessou a alguns metros de distância. Ela também foi detida.

Os dois foram levados para a delegacia e assinaram um TCO por desacato. Em seguida, foram liberados.

Escrito por G1 / Goiás