13 de maio de 2020

Cigano é preso por engano em Minas Gerais, ele não teria participado do triplo homicídio na zona rural de Catalão

Nota da Policia Cilvíl de Campina Verde, Minas Gerais.
 
Venho esclarecer que prendemos esse cigano ontem, as digitais foram colhidas na delegacia de Campina Verde MG, onde deram divergências nas mesmas, levando a crer que se tratava da pessoa de Jovis. Deslocamos pra Iturama para ser entregue na delegacia. O delegado colheu novas digitais e após análise ficou constatadas que tais digitais eram as mesmas de Maurozan. O conduzido entrou em contradição por inúmeras vezes em Campina Verde. Após confirmação da verdade o conduzido foi colocado em liberdade.
 
Saliento vós, que o mesmo relatou e provou que fato dessa natureza ocorreu com ele em um outro estado e ele foi colocado também em liberdade.
Relembre a Publicação 

Cigano acusado de matar pai e duas filhas na zona rural de Catalão é preso em Minas Gerais