BRIGA ENTRE CASAL GAY DÁ ATÉ LESÃO CORPORAL

Postado em

BRIGA ENTRE CASAL GAY DÁ ATÉ LESÃO CORPORAL NO JARDIM PARAÍSO

Apesar de não quererem representar uma contra a outra, a polícia militar registrou um chamado de Lesão Corporal no Jardim Paraíso.

O episódio um tanto quanto diferente das ocorrências de briga de casal rotineiras, era de duas mulheres em união estável. Uma delas quis separação e a outra não aceitou. Elas foram parar no meio da rua, se agrediram, e uma cortou o dedo da outra com uma faca.

A policia militar foi acionada para comparecer no local. A polícia acredita que as duas voltarão a morar juntas, pois nenhuma quis representar contra a outra e nem aceitaram socorro médico.


Luciana Machado 

Uma senhora de 51 anos teria contraído a gripe confirmada por profissionais da saúde.

Encerrou na última sexta-feira (01) em todo o Brasil a campanha de vacinação contra gripe.

A dose protege contra os três tipos de vírus que mais circularam no Hemisfério Sul em 2011, inclusive o causador da influenza A (H1N1) – gripe suína.

Idosos a partir de 60 anos, crianças de 6 meses a 2 anos incompletos, grávidas em qualquer período da gestação, índios e profissionais de saúde foram os grupos preconizados pelo Ministério da Saúde.

Por ironia do destino, uma mulher de 51 anos morreu na madrugada de sexta-feira (01) em Catalão. A morte foi confirmada por médicos que cuidaram do caso. Segundo as informações é uma mulher, que era pastora na cidade e morava em Catalão. O que mais chamou a atenção foi a voracidade da gripe. Em menos de 32 horas o estado clínico da senhora se agravou e ela não resistiu vindo a óbito.

Até a última quinta-feira (31), Catalão alcançava a meta de 74% de pessoas vacinadas. A meta do governo federal é imunizar 24,1 milhões de pessoas em todo o país, o equivalente a 80% do público-alvo.

FALTAM PEDIATRAS EM CATALÃO

Postado em

A falta de profissionais pediatras tem tirado o sono de muitas mães em Catalão. O inverno é a estação do ano em que não só adultos, mas principalmente as crianças desenvolvem mais problemas respiratórios.

Luciana Machado 

Elizângela Cassimiro, fisioterapeuta diz estar aflita por não ter mais pediatras na cidade. Sua filha de 06 anos estava doente na segunda-feira (25) passada, com febre e fortes dores na barriga. “Procurei o Pronto Socorro da Santa Casa, lá encontrei uma 20 mães com crianças na minha frente. Cheguei às 08 da manhã e fiquei até as 11 da manhã e minha filha não foi atendida. Lá tinha apenas uma pediatra para atender a todas as crianças. Procurei profissional na rede particular e não têm”.

Como profissional da área da saúde Elizângela também pôde perceber que a pediatra da Santa Casa estava sobrecarregada. Ela ouviu ainda relatos de outras mães. “Uma mãe contou que o peito da criança estava chiando, e que quando começa a chiar a criança desmaia. O PS não possui uma escala de risco. A criança não passa por uma triagem”.

Segundo a provedora da Santa Casa, Dra. Elaine Rosa Teixeira, esta é uma realidade nacional. “O que os hospitais têm que se propor é oferecer médicos para atender as crianças. O clínico geral também está apto para atender as crianças”. Ela revela que há uma grande possibilidade da situação se agravar mais. “Eu acredito que dentro de um curto espaço de tempo nós não teremos mais especialistas suficientes para atender todos os dias. Catalão ainda dispõe de plantões que há pediatras”.

As mães pretendem fazer uma mobilização na tentativa de procurar soluções. Elizângela vêm reunindo nas redes sociais mães que também passam pela mesma situação.

No Brasil, hoje, faltam pediatras. Em 1996, 13,6% dos médicos eram pediatras. Em 2011 o número caiu para 9,8%.


Movimento que integra membros da Juventude PSDB de Catalão e simpatizantes está anunciando a cada dia uma filiação de peso. No último dia do mês, vários PMDBistas assinarão suas fichas
O movimento ‘Geração 45’ – que envolve os membros da Juventude PSDB de Catalão e simpatizantes de várias faixas etárias – lançou no dia 1º de junho a campanha ‘Seja a força que você quer em Catalão’. Com a iniciativa, o grupo vai anunciar a cada dia uma filiação de peso. No último dia do mês, vários PMDBistas assinarão suas fichas com o abono do presidente da Assembleia Legislativa Jardel Sebba.
A quinta filiação anunciada pelo grupo é a da estudante de fisioterapia Maria Amélia Pinheiro Camargo, de 21 anos. “A casa tem que estar arrumada, não é mesmo?”, brincou a nova filiada. Maria Amélia é irmã do ex-presidente da Juventude PSDB, João Antônio. “Ela me surpreendeu. Nunca foi de militância política, de envolvimento com o partido. Fico muito feliz com a decisão dela”, destacou João Antônio.

Pesquisas eleitorais – Eleições 2012

Postado em

As entidades e empresas que realizarem pesquisas de opinião pública relativas às Eleições 2012 ou aos candidatos devem registrar cada pesquisa na Justiça Eleitoral a partir do dia 1º de janeiro e até cinco dias antes da divulgação de cada resultado.

Essa exigência foi estabelecida pelo art. 33 da Lei nº 9.504/1997 e pormenorizada na Resolução – TSE nº 23.364/2011.

Para o registro de pesquisa, é obrigatória a utilização do Sistema de Registro de Pesquisas Eleitorais (PesqEle), disponível nos sítios dos Tribunais Eleitorais, sítios nos quais também pode ser acessado o manual pertinente ao sistema.

O registro de pesquisa será realizado apenas via internet, pelas entidades e empresas que realizarem pesquisas de opinião pública relativas às Eleições 2012.

O registro de pesquisa poderá ser realizado a qualquer tempo, independentemente do horário de funcionamento do Cartório Eleitoral.

Na hipótese de a pesquisa abranger mais de um Município, o sistema gerará registros individualizados por Município e será criado um protocolo para cada localidade.

As informações e os dados registrados no sistema de pesquisa ficarão à disposição de qualquer interessado, pelo prazo de 30 dias, nos sítios dos Tribunais Eleitorais.

Fonte: TSE

Libório Santos

Postado em

NOTICIÁRIO – Liborio – 06-06-2012

Assembléia Legislativa debate carga horária de trabalho para PMs e Bombeiros. Aumentam os casos de abusos sexuais contra menores. Cai o otimismo na economia brasileira.  Esses são os destaques d ehoje de Liborio Santos. . 


Em nota, a assessoria de imprensa do governador de Goiás, Marconi Perillo, diz que os depoimentos feitos à CPI do Cachoeira não trazem fatos novos ou contradizem as afirmações já feitas pelo governador a respeito da venda de sua casa no condomínio Alphaville, em Goiânia. “Só há uma versão, a verdadeira, dos fatos. Em março de 2012, o governador Marconi Perillo relatou, detalhadamente, a operação de venda de sua casa no condomínio Alphaville, em Goiânia. Repetiu, exaustivamente, a mesma versão em todas as entrevistas à imprensa. Os depoimentos, até agora feitos à CPMI, não colocam fato novo ou contradizem as afirmações do governador.


Esta semana deve ser quente na Assembleia Legislativa. O deputado-membro da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) Túlio Isac (PSDB), representante da base governista, deve apresentar requerimento pedindo a quebra de sigilo bancário e telefônico de várias autoridades e políticos.

Entre os nomes, Alcides Ro­drigues (ex-governador); Iris Rezende (ex-prefeito de Go­iânia); Ernesto Roller (ex-secretário de Segurança Pública); Adib Elias (ex-prefeito de Catalão) e Antônio Gomide e Velomar Rios, respectivamente, prefeitos de Anápolis e Catalão.

Na tarde de quarta-feira, 30, o clima esquentou no pequeno expediente da Casa. O deputado estadual Karlos Cabral apresentou requerimento à mesa diretora, solicitando o afastamento dos deputados que fa­zem parte da base aliada e integram a CPI. Cabral lembrou que a situação assinou moção de apoio ao governador Mar­coni Perillo (PSDB). Segundo ele, isso configura ato inconstitucional, uma vez que a CPI ainda inicia os trabalhos.

Em reposta à Cabral, o deputado Helder Valin (PSDB), que fará requerimento parecido, pedindo o afastamento de todos os deputados de oposição que compõem a CPI, pois, segundo o tucano, já se pronunciaram na tribuna, acusando Marconi e o julgando culpado de contravenção.

O deputado Túlio Isac (PS­DB) não deixou Karlos Ca­bral sem resposta. Foi nesse dia que o tucano apresentou os primeiros nomes dos políticos que estarão no requerimento que será apresentado por ele à Comissão. Na ocasião, Túlio Isac citou o nome do prefeito de Goiânia, Paulo Garcia (PT), e do presidente da Comurg, Luciano de Castro.

Na Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) que acontece no Congresso têm prevalecido as “intrigas” entre oposição e situação e a busca a todo custo por holofotes. A exemplo da CPI nacional, a de Goiás parece ir no mesmo caminho.

Fonte : Jornal  opção


Pela primeira vez a Justiça do Trabalho institui comissão nacional para propor ações de combate ao trabalho infantil e regularização do trabalho adolescente.  Reunidos desde ontem, os seis juízes que compõem a comissão criada pelo Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT), no dia 4 de maio, estão consolidando os dados recebidos de magistrados de todo o país. As atividades estão sendo coordenadas por Marcos Fava, juiz auxiliar da Presidência do TST.

O objetivo é ampliar a atuação da Justiça do Trabalho no tema, de forma a elaborar estudos e apresentar propostas de ações, projetos e medidas a serem desenvolvidas em cada um dos estados do Brasil. Dentre os assuntos discutidos está a defesa da competência da Justiça do Trabalho para análise de pedidos de alvarás a menores de 16 anos que queiram exercer atividades remuneradas.

Apesar de o trabalho ser proibido nessa faixa etária, salvo na condição de aprendiz a partir dos 14 anos, a CLT permite que seja expedida autorização para menores de 14 anos quando a atividade for “indispensável para a subsistência do menor, de seus pais, avós e irmãos”. Os pedidos devem ser analisados pelos juízes das Varas da Infância e Adolescência, mas o presidente do CSJT e do TST, ministro João Oreste Dalazen, defende a competência da Justiça do Trabalho para análise dos pedidos.

Desde 2004, a Emenda Constitucional nº 45 estabeleceu a competência da Justiça do Trabalho para “processar e julgar as ações oriundas das relações de trabalho”. Mas de 2005 a 2011, segundo dados do Ministério do Trabalho e Emprego que estão sendo revistos, mais de 33 mil autorizações foram emitidas por outros órgãos, autorizando o trabalho de menores de 16 anos. Dentre as atividades permitidas várias são classificadas pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) como piores formas de trabalho infantil (lixões, pedreiras, pavimentação de ruas, oficinas mecânicas, dentre outros).

O governo brasileiro se comprometeu a erradicar, até 2016, as piores formas e, até 2020, todas as formas de exploração do trabalho precoce. Mas ainda há mais de 4milhões de crianças e adolescentes em situação de trabalho irregular no país, o que representa quase 10% da população entre 5 e 17 anos.

O próximo dia 12 de junho – Dia Internacional contra o Trabalho Infantil – marca a luta e a mobilização mundial para o combate à exploração de crianças e adolescentes em todo o mundo

Fonte: Tribunal Superior Do Trabalho

Primeira mão notícias quentinha

Postado em

Justiça nega pedido de Adib para anular decisão do TCM

O juiz Marcus Vinícius Ayres Barreto, da Comarca de Catalão, negou, em 31 de maio, pedido de liminar do ex-prefeito de Catalão, Adib Elias (PMDB) solicitando a suspensão dos efeitos do julgamento do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), que considerou irregulares as contas do peemedebista do ano de 2005. Esse é apenas mais um dos revezes que Adib tem sofrido nos campos jurídico e administrativo nos últimos tempos.

Como tem não somente as contas de 2005, mas várias contas rejeitas pelo TCM, Adib não pode concorrer a cargo eleitivo por se enquadrar na chamada Lei da Ficha Limpa, que impede a candidatura de políticos que tenham sido condenados por órgãos colegiados como o Tribunal de Justiça e os tribunais de contas.

Na semana anterior, o TCM rejeitou os argumentos da defesa de Adib em recurso de revisão interposto pelo ex-prefeito, em relação às contas de 2007. Aquela era a última possibilidade de reverter a condenação naquela corte de contas..

Presidente regional do PMDB, Adib Elias tem esperneado como pode para se manter no páreo, mas até o momento, todos os seus recursos junto ao TCM e suas tentativas junto à Justiça foram infrutíferas.

Desespero

Adib propôs ação declaratória de nulidade com pedido de antecipação dos efeitos de tutela contra o TCM e à Câmara Municipal de Catalão, que julgaram irregulares as contas de sua gestão à frente da prefeitura daquele município em dezembro de 2005.

A defesa de Adib também questionava o julgamento do TCM, criticando decisões que competiam à presidente da corte de contas, Maria Teresa Garrido. O advogado do peemedebista, curiosamente, admitia sua inelegibilidade na petição inicial. “Os partidos políticos dispõe do período de 10 a 30 de junho de 2012 para realizarem suas convenções destinadas a deliberar sobre a escolha de candidaturas e é muito improvável que um partido escolha um candidato (principalmente a um cargo majoritário), com a pecha de inelegível”, argumenta.

Para logo adiante afirmar: “o eventual  – e fortemente provável – sucesso na presente demanda não redundará em nenhum resultado prático ao autor se não lhe for permitido recuperar sua elegibilidade, ainda que a título provisório”.

Em nenhum momento do documento, que continha 50 páginas, o ex-prefeito se defendia das diversas irregularidades na sua gestão detectadas pelo TCM, como contratação do CRAC, time de futebol do município, para prestar serviços de transporte escolar, pagamentos indevidos feitos a empreiteiras, repasses a menor ao instituto de previdência do município (IPASC), e até pagamentos indevidos feitos ao próprio Adib e ao seu então vice-prefeito, João Sebba.

Página 660 de 690« Primeira...1020...658659660661662663...670680...Última »