Na tarde desta sábado (9), por volta das 13h30, um veículo de passeio é um ambulância da Prefeitura de Ouvidor se envolveram em acidente na GO-330 entre Catalão e Ouvidor, na baixada do alambique.

Uma das rodas do veículo Peugot , que seguia de Ouvidor a Catalão, se soltou e oa condutora perdeu controle da direção, atingindo a ambulância da Prefeitura de Ouvidor, que seguia sentido contrário.

De acordo com as informações repassadas à reportagem do Blog Diante do Fato, cinco pessoas ficaram feridas e foram socorridas por equipes do Corpo de Bombeiros e SAMU. Todas as vítimas foram levadas ao pronto-socorro da Santa Casa de Catalão.

Fotos ; Thiago Ferreira 

Tudo indica que ‘criminosos’ tentaram boicotar o 1° Rodeio Direito de Viver e 2° Leilão em prol do Hospital de Câncer de Barretos, evento beneficente que será realizado entre os dias 14 a 17 de setembro em Ouvidor.

De acordo com o organizador, Júlio Ferreira, o fogo foi colocado em área próxima e quase atingiu a estrutura que está sendo montada para a realização do evento. Acredita ser criminoso o incêndio, mas ainda não há informações oficiais sobre o fato.

Vale lembrar que cerca de cinco mil pessoas são atendidas no hospital   diariamente, incluindo pacientes de Ouvidor, Catalão e toda região. Mais informações a qualquer momento neste canal de notícias.

 

De acordo com informações preliminares, o corpo que se encontra no Instituto Médico Legal [IML] em Catalão foi encontrado por volta das 15hs de quinta feira [07] na fazenda Barra do Rio do Peixe entre Pires do Rio e Caldas Novas.

O corpo foi encontrado pelo filho do proprietário da fazenda e estava coberto de cal, o que acelera a decomposição e pode dificultar sua identificação. Em narrativa, Clayton Cândido informou que ‘tinha saído para cortar madeira na mata quando avistou um monte de cal’ e verificou se tratar de um cadáver. Imediatamente a Polícia Militar foi acionada.

Técnicos avaliam que o crime tenha ocorrido a pouco tempo, mas somente após os procedimentos técnicos de necropsia será possível fazer o reconhecimento de determinar a causa da morte. Tudo indica que tenha sido homicídio.

A polícia técnico científica faz perícia no local e a Polícia Civil aguarda o laudo para seguir com as investigações. Mais detalhes sobre o caso a qualquer momento neste canal de notícias.

O governador Marconi Perillo (PSDB) completa, nesta quarta-feira, a etapa de assinaturas de convênios do programa Goiás na Frente. Acompanhado do vice-governador José Eliton (PSDB), Marconi firmou parcerias com 245 dos 246 municípios do Estado. O único que ficou de fora foi Catalão, por decisão do prefeito Adib Elias (PMDB).

Adib fechou as portas para o governo de Goiás. Na contramão do que o povo espera da classe política, o peemedebista deixou que divergências partidárias se sobrepusessem ao interesse soberano dos milhares de catalanos e catalanas que vivem na cidade administrada por ele. Mandou dizer que não precisa do apoio ou dos investimentos do governo para melhorar a vida dos seus governados.

Adib está de olho na vaga de candidato a vice-governador na chapa de Ronaldo Caiado (DEM) em 2018 e, para se consolidar como opção preferencial do senador, copia-o no radicalismo e nas bravatas contra Marconi. Ignora o exemplo que seus colegas de partido, como Paulo do Vale (Rio Verde), Ernesto Roller (Formosa), Gustavo Mendanha (Aparecida) e até Iris Rezende (Goiânia), que aderiram ao programa de investimentos comandado por Marconi.

Adib há muito tempo é objeto de estudo por parte de analistas e especialistas em política. Apesar das boas votações que consegue em Catalão, nunca conseguiu ultrapassar as margens do Rio Pirapitinga. A explicação talvez esteja na sua miudeza, que o impede e sempre impedirá de ser o estadista em quem os goianos desejam votar.

Fonte ; Gbrasil

A coordenadora do Colégio Estadual Dona Iayá denuncia que foi agredida pela mãe de uma aluna após chamá-la para conversar sobre a conduta inadequada da adolescente na escola.

Por sua vez, a mãe da estudante disse à Polícia Civil que também foi vítima de lesões.

O caso aconteceu na última segunda-feira (4), em uma sala do colégio. A briga só terminou depois que dois professores intervieram. Fotos divulgadas pela coordenadora mostram lesões nas costas, orelha e na cabeça dela.

“A coordenadora disse que a mãe a chamou de incompetente, que não sabia lidar com adolescente e partiu para cima e começou a agredi-la, puxar cabelo, tapa e bateu a cabeça dela contra o chão. A mãe ficou em cima, e a coordenadora tentava se levantar e não conseguia”, relatou  o delegado responsável pelo caso, Vagner Sanchez Pedroso.

De acordo com a polícia, a mãe e a coordenadora passarão por audiência no Poder Judiciário em outubro. Na ocasião, devem ser apresentados os resultados dos exames e serem ouvidas quatro testemunhas.

Com Informações do G1 Goiás 

O ex-presidente da Câmara Municipal, Sérgio Alves Braga, em ação civil proposta pela promotora de Justiça Gabriela Rezende Silva, está com seus bens bloqueados em R$ 46.968,00, conforme liminar do juiz Márcio Neves. Conforme apontado no processo, Sérgio Braga e sua família almoçavam às custas do Legislativo municipal, entre 2015 e 2016, em um restaurante da cidade onde comiam as refeições ou pegavam marmitas.

Apuração do MP atestou que a Câmara pagava o restaurante e que Sérgio não só autorizou, sem qualquer respaldo legal, a entrega de refeições para ele, sua família e também seus apadrinhados na Câmara, como também realizou o consumo, por diversas vezes, de bebidas como refrigerantes e água de coco.

A promotora requereu no mérito da ação a sua condenação pelos atos de improbidade, conforme previsto na Lei n° 8.429/92, inclusive para reparo do dano ao erário e indenização por dano moral coletivo.

Denuncia criminal
Na esfera criminal, a promotora ofereceu denúncia contra Sérgio Braga pelo crime de peculato, por dez vezes, pela apropriação ou desvio de dinheiro público para proveito próprio ou alheio, cuja pena é de 2 a 12 anos de prisão e multa. (Cristiani Honório / Assessoria de Comunicação Social do MP-GO

O promotor de Justiça Roni Alvacir Vargas está acionando o município de Catalão e a Superintendência Municipal de Água e Esgoto (SAE) visando à adequação do sistema de esgoto da cidade, inclusive pedindo a implantação da rede coletora de esgoto sanitário em todos os bairros de Catalão, no prazo de cinco anos, eliminando as soluções individuais de esgotamento sanitário conhecidas como fossas sépticas e sumidouros ou fossas negras. Até lá, a ação requer uma série de medidas a serem cumpridas pelos acionados.

Município

Em relação ao município, o promotor requereu a proibição de aprovação de novos loteamentos com sistema de esgotamento sanitário individual como fossas e sumidouros, exigindo a implantação de rede coletora. Nos loteamentos não cobertos por rede de esgoto, a Secretaria de Obras deverá fazer análise técnica dos projetos de esgotamento das novas construções e também fiscalizar a construção de fossas e sumidouros, condicionando a expedição do Habite-se não somente ao teste de funcionalidade do sistema, mas à verificação por meio de auto de constatação lavrado por agentes.

A ação pediu ainda a obrigatoriedade pela Secretaria de Meio Ambiente de fiscalizar as empresas prestadoras de serviço de limpeza de fossas em Catalão, em especial para o licenciamento ambiental na atividade e destinação adequado dos resíduos.

SAE
No processo, o promotor requereu que a SAE seja obrigada a prestar diretamente, ou por terceiro, o serviço público de limpeza e esvaziamento das fossas sépticas, sumidouros e fossas negras; devendo eliminar ou fiscalizar a eliminação desses tipos de fossas pelo proprietário, de forma tecnicamente adequada, após a implantação da rede coletora que, conforme requerido pelo MP, deverá alcançar toda a cidade, em cinco anos. (Cristiani Honório / Assessoria de Comunicação Social do MP-GO)

                       Murilo Henrique Pereira

Na madrugada desta terça-feira (5), por volta das 4h a Polícia Militar entrou em confronto com suspeitos de praticar furtos e roubos na cidade. A PM foi recebida a tiros em uma residência no bairro Evelina Nour.

A ação se deu na rua Noêmia Pereira Biano. Na ação, um suspeito foi atingidos com tiros e socorridos pelo Corpo de Bombeiros mais morreu em seguida. O suspeito foi identificado como Murilo Henrique Pereira, de 21 anos.

Nesta segunda-feira (4), a Polícia   Militar informou que o suspeito morto na troca de tiros praticou um roubo de uma motocicleta no bairro Santo Antônio, além de roubo  a uma farmácia no bairro Vale do Pirapitinga, roubo a um Trailler de sorvete na praça das bandeiras na Vila União, ambas as ocorrências com o emprego de violência e arma de fogo.

Segundo a Polícia Militar o jovem possuía vasta ficha criminal, contendo atos infracionais análogos aos crimes de roubo, tráfico de drogas. O corpo do jovem foi levado para Instituto médico legal de catalão (IML), na ação nenhum policial se feriu.

A motocicleta roubada, uma arma de fogo e munições intactas e deflagradas foram encontradas no local e apreendidas.

Dupla é presa com munições de uso militar

Postado em

Na manhã desta segunda-feira (4), o GPT – Grupo de Patrulhamento Tático – da Polícia Militar abordou um veículo com placas de Monte Carmelo (MG). O veículo era ocupado por dois homens e seguia pela avenida Farid Miguel Safatle, no Centro da cidade, em atitude suspeita e foi abordados pelos policiais.

No interior do veículo foram localizados 270 munições de vários calibres, sendo algumas dos artefatos de uso restrito das Forças Armadas.

Os dois homens foram levados à delegacia de plantão da Polícia Civil e foram presos em flagrante por posse de munições de uso restrito.

A Polícia Militar informou que no decorrer do dia foram feitas diligências para se ter mais informações sobre a procedência das munições apreendidas. Até o momento, não há pistas de outros envolvidos.

Na tarde desta segunda-feira, 4, o deputado estadual Gustavo Sebba (PSDB) entregou ao Batalhão Bombeiro Militar, em Catalão duas novas viaturas para melhorar o poder operacional na região atendida pelo 10º BBM, sendo uma Unidade de Resgate pré-hospitalar e uma Auto Ambulância que será utilizada para o transporte dos militares e seus dependentes.


A cerimônia foi presidida pelo Comandante Geral do CBMGO,  Coronel Carlos Helbingen Júnior e contou com a presença de diversas autoridades civis e militares.

Na oportunidade, foi entregue medalhas de mérito por reconhecimento profissional a 4 bombeiros militares do Batalhão, por terem se destacado nas ações operacionais.

Página 6 de 673« Primeira...456789...2030...Última »